Quantidade de Páginas visitadas

Assunto : PROJETO DE HORTICULTURA, INICIADO EM 2016, FINALIZA A CONSTRUÇÃO DE MAIS UMA ESTUFA PARA O CAET

O Colégio Agrícola de Toledo conta agora com quatro estufas para a produção de hortaliças e outros cultivares. Até o ano passado, a escola tinha à disposição três espaços destinados para o cultivo de flores, ervas medicinais, mudas de árvores e mudas para a horta da fazenda escola.

Com a necessidade de ampliação do setor produtivo do CAET, a direção de Unidade Didática Produtiva (UDP) aprovou e incentivou a construção de mais uma estufa direcionada especialmente para aumentar a produção de mudas de hortaliças. O diretor de UDP, Marlon Vieira, disponibilizou alguns funcionários para implementar a construção da estufa que tem, aproximadamente, 50 metros quadrados.

“A construção de mais esta estufa tem como prinpício a evolução de um ambiente propício para o desenvolvimento do sistema de ensino e aprendizagem”, disse o presidente do Grêmio Estudantil, Jhonathan Favero. Para que fosse concretizado o empreendimento, que teve seu início no final do ano passado, o Grêmio do CAET repassou R$ 1.050 para a compra de materiais como estrutura de ferro em forma de arco, cobertura plástica e sombrite.

Além do incentivo da direção, o projeto de construção ainda teve a participação dos alunos do 3º ano A. A professora Jussara Conti, que lecionou em 2016 na escola, foi quem ficou à frente dos trabalhos até o final daquele ano, inclusive no tempo em que todos os materiais necessários foram adquiridos.

Agora, com a finalização dos trabalhos de cobertura, falta apenas a instalação do sistema de irrigação para que o CAET já possa produzir mais e melhor.



Por Roberto Crepaldi Dias - jornalista




Assunto : CURSO DE COMUNICAÇÃO E USO DE MÍDIAS FAZ UM RESGATE DE BRINCADEIRAS ANTIGAS PARA SERVIR COMO CONTRAPONTO À CULTURA DIGITAL

O curso de Comunicação, Cultura Digital e uso de Mídias desenvolveu uma atividade diferenciada a um grupo de alunos do 1º ano.

Depois da aplicação da aula teórica no laboratório de informática, os mediadores do curso, Juelmir Bellaver e Roberto Crepaldi, levaram os estudantes para fazerem algumas atividades recreativas, com o objetivo de mostrar aos educandos um pouco das brincadeiras que faziam parte da vida dos seus pais.

Os alunos saíram um pouco do foco das tecnologias digitais, tendo a oportunidade de perceberem que o mundo virtual é apenas mais um meio de comunicação e entretenimento e que a prática de brincadeiras antigas fazem do relacionamento algo mais próximo e mais sadio.

São momentos em que há um resgate, tanto dos relacionamentos mais humanizados, quanto de uma comunicação frente a frente, mostrando que há felicidade muito além do pequeno retângulo do visor do celular.




Assunto : ETAPA DO PROJETO DE HORTICULTURA ENSINA SOBRE DOSAGEM DE ADUBAÇÃO

Em fase de produção, os canteiros do colégio Agrícola estão sendo manejados para receber o replantio de mudas de hortaliças.

O professor de Horticultura e Produção Vegetal, Luiz Angelo Fillus, dividiu as turmas dos 2º anos e trabalha com os alunos no projeto de Horticultura do CAET.

Nesta etapa do projeto, o professor está ensinando sobre a quantidade de adubo a ser aplicado nos canteiros. Daqui a mais alguns dias, os estudantes dos 2º anos já estarão transplantando, inicialmente, mudas de alface e chicória.

A prática de produção de hortaliças serve como aprendizagem dos alunos, onde eles podem aplicar tanto na assistências a futuros produtores ou até mesmo para seus próprios projetos profissionais.




Assunto : PRESIDENTE DE ONG DO MARANHÃO FALA SOBRE TRABALHO VOLUNTÁRIO EM REGIÕES MAIS NECESSITADAS

Ajudar o próximo com a realização de trabalhos voluntários e sem fins lucrativos é um dom, é uma vocação. Os alunos do Colégio Agrícola ouviram um pouco da história do fundador da Tribal ONG do Estado do Maranhão. Ivan Fachin, o Guri, como é conhecido, é empresário e presidente da Organização Não Governamental desde sua fundação em 2000. A entidade, criada por um grupo de 10 motociclistas, há 17 anos, transforma vidas e dá esperança a centenas de pessoas em diversas partes do Brasil.

Na quarta-feira, à noite, o motociclista Guri conversou com os estudantes do CAET sobre os trabalhos que sua ONG realiza e apresentou algumas das missões executadas por seus voluntários. Entre elas estão atividades de esportes de aventura, ecoturismo e meio ambiente, além, é claro, de projetos e ações socioeducativas em prol de uma vida mais digna às populações mais carentes.

O fundador e presidente da Tribal ONG, que também tem formação como técnico em Agropecuária, esteve na escola à convite da professora Liane Brinker.

Atualmente, a entidade dá assistência em várias áreas e conta com aproximadamente 1000 associados.



Por Roberto Crepaldi Dias - Jornalista



FOTO DO PALESTRANTE


Assunto : GRÊMIO ESTUDANTIL FAZ DOAÇÃO DE MATERIAIS ESPORTIVOS À ESCOLA

Nesta terça-feira (21), o Grêmio Estudantil do Colégio Agrícola fez uma doação de materiais esportivos à escola. O presidente da instância colegiada, Jhonathan Willian Favero, fez a entrega de uma bola de futsal e outra de voleibol ao professor de Educação Física, José Aparecido Salvador, conhecido como Bahia.

A pedagoga Claudete de Oliveira salientou a importância dos materiais, haja vista a proximidade dos Jogos Escolares do Paraná. “As novas bolas vão auxiliar nos treinamentos para os jogos”, disse a orientadora, ressaltando que os produtos são de uso de todos os alunos do CAET.

O presidente do Grêmio orientou sobre os cuidados que os alunos devem ter. “Cuidem dos materiais esportivos, pois estes são instrumentos do nosso conhecimento”, alertou. A verba, de acordo com Jhonathan, são do caixa do Grêmio Estudantil e que foi liberada para a aquisição dos materiais, à medida que o órgão representativo percebeu a importância de ter bolas novas para os treinamentos, tanto para os jogos, quanto para o dia a dia dos educandos.

A vice-presidente do colegiado, Nicole Aline Mossoi, vê a doação como uma forma de manter os materiais em estado de uso. “A colaboração é essencial para a conservação destes equipamentos”, disse ela.

O presidente do Grêmio Estudantil do CAET está na expectativa da chegada de novos materiais esportivos para serem usados, principalmente, pelos alunos que ficam alojados na escola.




Por Roberto Crepaldi Dias - Jornalista



PARA VER AS FOTOS, CLIQUE AQUI












Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito