Quantidade de Páginas visitadas

Assunto : MATRÍCULAS PARA 1º ANO - 2018

 


MATRÍCULAS PARA OS ALUNOS QUE INICIARÃO NO 1º ANO DO CURSO DE TÉCNICO EM AGROPECUÁRIA, INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO, PERÍODO INTEGRAL DE 2018


ALUNOS COM ALOJAMENTO


 

DIA: 19/12/17, ÀS 13HS E 30MIN

LOCAL: AUDITÓRIO DO COLÉGIO

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS:

• DECLARAÇÃO DE MATRÍCULA DA ESCOLA ATUAL DO(A) ALUNO(A);

• CÓPIA CONTA DE LUZ (COPEL) ATUALIZADA;

• IDENTIDADE DO RESPONSÁVEL.

• CONTRIBUIÇÃO APMF MATRÍCULA: R$ 90,00

• CONTRIBUIÇÃO APMF ALOJAMENTO: R$ 100,00



CLIQUE AQUI PARA VER A RELAÇÃO DOS ALUNOS



ALUNOS SEM ALOJAMENTO




DIA: 20/12/17, ÀS 13HS E 30MIN

LOCAL: AUDITÓRIO DO COLÉGIO

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS:

• DECLARAÇÃO DE MATRÍCULA DA ESCOLA ATUAL DO(A) ALUNO(A);

• CÓPIA CONTA DE LUZ (COPEL) ATUALIZADA;

• IDENTIDADE DO RESPONSÁVEL.

• CONTRIBUIÇÃO APMF MATRÍCULA: R$ 90,00



CLIQUE AQUI PARA VER A RELAÇÃO DOS ALUNOS





Assunto : FECHAMENTO DOS TRABALHOS DA EQUIPE MULTIDISCIPLINAR TRAZ ATRAÇÕES DE HIP-HOP E CAPOEIRA AO COLÉGIO AGRÍCOLA

Na Semana da Consciência Negra, a Equipe Multidisciplinar do Colégio Agrícola programou algumas apresentações e exposições que fazem parte das atividades da programação da equipe. O professor de arte, Carlos Juscimar, com o auxílio do professor William Tesoni e Roberto Crepaldi, produziram com os alunos dos 2º e 3º anos pinturas em telas que retratam a etnia africana e também a indígena. Além das obras de arte em tela, a equipe apresentou um prato típico da África do Sul chamado Koeksisters. Os alunos, professores e funcionários degustaram o doce. Ele é tradicional no país, muito servido como sobremesa; é de aparência simples, comumente servido em eventos informais e pode ser encontrado facilmente. A ideia de preparar esse alimento veio do aluno Angel Lucas da Silva do 1º ano C.


A professora Ieda Risse ensaiou com os alunos do 2º ano B um jogral com a música Terra Seca da cantora Ângela Maria.


Um dos momentos mais ativos das apresentações foram a exibição dos grupos de Capoeira e de Hip-Hop. O professor Carlos Juscimar convidou o capoeirista Cleverson, conhecido como Pépe, que trouxe junto seu grupo de capoeiristas mirins. Todos os pequenos esportistas que fazem parte da equipe Kauande Capoeira são da Unidade Social São Francisco. Os capoeiristas mostraram o gingado próprios desta arte marcial.


O grupo 5ª Essência Fetter Company que conta com 30 componentes também participaram. Os dançarinos Matheus Martins e Fernanda Fetter deram um show dançando com os alunos da escola. Os estudantes também prestigiaram a performance da dupla que fez uma apresentação conjunta no final de suas participações. A companhia de dança 5ª Essência tem projetos com instituições educacionais públicas e com a Escola Arte e Música de Toledo.


Essas atividades fecharam os trabalhos da Equipe Multidisciplinar que neste ano teve como coordenadora a professora Marisa Terezinha Follmann.




Assunto : CONSTRUÇÃO DE MAQUETES REFORÇA A APRENDIZAGEM DOS CONTEÚDOS

A área rural é o principal ambiente de aprendizagem dos alunos do curso em Agropecuária; é o foco da formação no Colégio Agrícola de Toledo. Aprender as características, o funcionamento, o relevo, os recursos hídricos, os meios produtivos e os problemas ambientais, entre outras questões ligadas à zona rural foi sistematizado por meio de confecções de maquetes desses ambientes.

O professor Vadim Della Torre, que leciona Geografia, cobrou a atividade dos alunos das primeiras séries do Ensino Médio que tiveram a missão de construírem uma representação de uma área rural com exposições sobre as particularidades das propriedades rurais.

Com o avanço da tecnologia e da indústria, aumenta o número de fábricas. Muitas destas fábricas trabalham com produtos químicos e nocivos, que depois de utilizados são geralmente deitados fora. Os rios e lagos servem como locais de depósito para esses produtos. Esses problemas também foram expostos pelos estudantes. Nas maquetes, os educandos representaram o crescimento urbano, a poluição das águas, do ar e do solo, a devastação de florestas e o desmatamento, assim como a falta de cuidados com as matas ciliares e assoreamento do rios.

Uma das propostas do professor Vadim foi que os alunos respondessem algumas perguntas feitas pelos professores visitantes que estiveram na exposição. Os estudantes conseguiram responder claramente às questões, demonstrando a eficiência da metodologia.

Trabalhar com os alunos utilizando maquetes é uma forma de reforçar o conteúdo. A atividade, além de facilitar a memorização do assunto deu a oportunidade da prática criativa e interativa entre os componentes dos grupos. À medida que explicavam o que haviam aprendido, também assimilavam novas informações com as exposições dos colegas.


 


Assunto : SEGUNDO SIMULADO DA BRIGADA ESCOLAR DO CAET FOI REALIZADO NESTA SEGUNDA-FEIRA, 13

O segundo treinamento da Brigada Escolar do Colégio Agrícola ocorreu nesta segunda-feira (13). A simulação para preparar a comunidade interna da escola caso haja uma eventual necessidade é uma exigência da Defesa Civil. Oferecido pela Secretaria de Estado da Educação do Paraná, em parceria com a Defesa Civil, visa a capacitação de profissionais da educação para a atuação em situações de emergência e riscos nas escolas.

A simulação aconteceu no período da tarde, a partir das 15h40. Depois do primeiro treinamento ocorrido em abril deste ano, os professores, funcionários e alunos já estavam bem cientes acerca dos procedimentos. O professor William Tesoni Barros e o Agente II, Roberto Crepaldi Dias, junto com as diretoras Simone Fávaro da Silva e Marisa Terezinha Follmann, organizaram o Plano de Fuga utilizando o Mapa de Fuga da escola e seguindo os mesmos critérios adotados no primeiro treinamento. O resultado foi um sucesso: o tempo que os alunos e equipe levaram para se deslocar até o Ponto de Encontro foi de 05 minutos.

No ponto de Encontro, os professores fizeram a chamada e todos estavam presentes, conforme o esperado. As capacitações das Brigadas Escolares são descentralizadas e organizadas pela Coordenação Regional do Programa, e atendem representantes de cada escola do seu núcleo de origem.




PARA VER AS FOTOS, CLIQUE AQUI

Assunto : CAET MARCA A PRIMEIRA REUNIÃO COM OS PROVÁVEIS ALUNOS DE 2018

No próximo dia 10 de novembro, a direção do Colégio Agrícola convoca a todos os inscritos candidatos a estudar no CAET a comparecerem na escola. De acordo com a equipe pedagógica, a reunião tem a finalidade de repassar informações importantes aos pais e também aos novos alunos sobre as peculiaridades da fazenda-escola, levando as primeiras orientações sobre as regras de condutas a serem respeitadas pelos alunos e conduzidas pela equipe da escola.


A reunião será realizada em dois momentos: de manhã, com início às 10 horas e à tarde, a partir das 14 horas. A participação de todos os novos alunos e seus responsáveis é obrigatória, já que é neste momento que as informações são repassadas de modo coletivo e nivelado todos os conhecimentos acerca do modo de trabalhar da escola e dos procedimentos adequados dos alunos.


Na pauta que será tratada durante a reunião tem itens como Matriz Curricular, Nova Avaliação, Regimento do Internato e Calendário Escolar. Isso demonstra a importância da participação de todos, a fim de que saibam antecipadamente quais são os direitos, deveres e obrigações e, assim, possam analisar se a matrícula no Colégio Agrícola é a melhor opção.


O atendimento dos participantes será pela ordem de inscrição. Os 125 primeiros inscritos participarão no período da manhã; os demais, à tarde.


 


















Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito